Acompanhe o Portal Dois Vizinhos no Facebook
Acompanhe o Twitter do Portal Dois Vizinhos
HOME
CONTATO
 
NOTÍCIAS - NEGOCIAÇÃO

terça-feira, 30 de abril de 2019
Governo recua e admite possibilidade de reajuste para servidores
Ato também lembrou 29/04/15 (Foto: Valquir Aureliano)
Como resultado da reunião entre lideranças sindicais e integrantes do governo na segunda-feira (29), foi criada uma comissão para retomar as discussões sobre o descongelamento de salários de servidores públicos estaduais do Paraná. O governo, que até agora sinalizava por manter o congelamento, cedeu aos servidores. A partir de amanhã (1º), data-base do funcionalismo, as perdas chegaram a 17% dos salários que deixaram de ser corrigidos pela inflação desde 2016.

A reunião realizada no Palácio Iguaçu foi conduzida pelo vice-governador Darci Piana. Segundo ele, a comissão será formada por cinco membros do Fórum das Entidades Sindicais (FES), técnicos das secretarias da Fazenda e da Administração, representantes da governadoria e deputados estaduais. “Foi restabelecido o diálogo. O Estado tem dificuldade para cumprir com aqueles compromissos que já estão atrasados, 2017 e 2018, e mais a data-base de agora. Então, foi estabelecida uma comissão, que vai tratar desses assuntos para resolver isso ao longo do mês de maio para que a gente possa encontrar uma saída”, afirma o vice-governador.

A comissão, que se reunirá nesta terça-feira (30) à tarde pela primeira vez, deve elaborar ao longo do mês uma proposta em comum acordo por reajuste. Por enquanto, os cerca de 20 sindicatos envolvidos decidiram não marcar assembleias para maio. A intenção é aguardar o resultado da retomada de negociação.

“Saímos do zero, pelo menos. O governo anunciou que vai retomar a discussão e admitiu que é possível uma correção ainda neste ano”, afirma o secretário de Comunicação da APP-Sindicato, Luiz Fernando Rodrigues.

Os professores, categoria mais numerosa do funcionalismo estadual, têm assembleia marcada para junho, quando devem analisar proposta do governo. Entre reivindicações diversas, de mais de 10 sindicatos, a principal é o descongelamento dos salários para ao menos um reajuste de 4,8% neste ano, referente a inflação de 12 meses, e uma negociação em relação ao passivo dos 11,53% restantes dos anos em que os salários não foram corrigidos.

Darci Piana afirma que uma alternativa seria parcelar a recomposição atrasada. “É possível. A comissão é quem vai decidir. O Estado vai apresentar suas condições financeiras, vai fazer as contas de quanto são os nossos compromissos em atraso, quanto é a possibilidade de juntar a data-base e fazer uma abertura alguns anos para frente, mas temos um problema seríssimo que é o cumprimento da nossa lei que não permite que a gente ultrapasse o limite estabelecido pelo governo federal”, ponderou.

De acordo com o vice-governador, há outros atrasos que devem entrar na conta. “Passa-se a discutir toda essa questão que não é apenas a data-base. São os compromissos dos dois anos atrasados, o quinquênio, temos promoções que não foram concedidas, temos abonos que não foram concedidos, quer dizer, são volumes financeiros extraordinariamente grandes”, afirma.

O governo também condiciona um acordo ao que pode acontecer com a votação da reforma da previdência proposta pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) no Congresso Nacional. “O governo vai parcelar esse reajuste dentro da medida das finanças, dentro da economia que pode ser boa se aprovar a questão da previdência. O Estado e o País vai depender muito ainda do que vai acontecer na votação da previdência (no Congresso Nacional)”, afirma Darci Piana.

Paralisação reuniu 10 mil
Uma manifestação que antecedeu a reunião nesta segunda reuniu cerca de 10 mil pessoas em Curitiba, segundo sindicatos, e 7 mil, segundo a Polícia Militar (PM). Além de pressionar pelo reajuste, o ato também lembra a manifestação de servidores em 2015, na mesma data, em que 200 pessoas ficaram feridas após um a ação da PM contra funcionários públicos que protestavam contra mudanças na previdência.
Fonte: Narley Resende/Bem Paraná

PUBLICIDADE

 

GUIA DE EMPREGOS
Agência do Trabalhador de Dois Vizinhos
(46) 3536-1816...
Veja mais
GUIA DE EMPRESAS E NEGÓCIOS
Hotéis e Pousadas
Requinte Hotel
Sinônimo de charme, bom gosto, privacidade, sofisticação e conforto resumidos no nível de atendimento de eleva...
Lavanderia Industrial
Lavanderia Rastros D`Água
Empresa com experiência no desenvolvimento de peças pilotos, sempre em busca de atualização em novos trabalhos...
Automação Comercial
Engetech Soluções Eletroeletrônicas
Especializada em instalação e manutenções elétricas e eletrônicas, atendendo residências, indústrias, comércio...
Veja mais
AGENDA DE EVENTOS
Veja mais
+ LIDAS
NA SEMANA
NO MÊS

 

Cadastre-se e receba nosso informativo semanal.

 

(46) 3536-5397 / 8401-4113
© Copyright 2003-2019, Portal Dois Vizinhos. Todos os direitos reservados