Acompanhe o Portal Dois Vizinhos no Facebook
Acompanhe o Twitter do Portal Dois Vizinhos
HOME
CONTATO
 
NOTÍCIAS - CHAVES NA MÃO

quarta-feira, 6 de janeiro de 2021
Dilemas enfrentados ao vender um imóvel.
Fonte: Pixabay
Vender imóveis em qualquer parte do país é sempre uma tarefa que pode gastar muito tempo e psique pois o mercado e as pessoas que aparecem nem sempre são boas oportunidades, muitas vezes sendo um negócio de risco.

Portanto, é muito importante pesquisar bem o mercado e aprender sobre os valores que são praticados, sobre as suas responsabilidades como vendedor de imóveis em Cascavel, sobre as formas de atrair clientes com mais facilidade. Você precisa saber que os clientes não cairão do céu por você, você tem que perseguir oportunidades.

Há pessoas que não estão acostumadas com os serviços burocráticos, não conseguem entender os aspectos práticos da vida e ficam confusas. É por isso que muitas pessoas, quando se comprometem a vender um imóvel, para si ou para outrem, têm medo porque se sentem incapazes de o fazer. São muitos os dilemas, afinal é um mundo completamente novo, você tem que entender o que quer quem decide comprar uma casa.

Vale lembrar que o mercado imobiliário atual não é o mesmo de dez anos atrás, quando o país teve um grande crescimento no setor de construção civil. A situação começou a se agravar quando estourou a crise política no Brasil em 2013, que também começou a desestabilizar a economia.

Quem está pensando em comprar um dos muitos apartamentos à venda certamente teve dificuldade em realizar seu sonho. Como resultado, a demanda por pessoas interessadas em comprar e vender casas foi muito reduzida, o que torna muito importante a atuação apurada do vendedor.

Para as pessoas que estão apenas começando a vender um imóvel, sempre se questiona se deve procurar uma imobiliária, que os ajude e simplifique o processo de venda. Claro, se a pessoa começa a fazer tudo sozinha, mas quando ela quer pedir ajuda no meio do caminho, também é totalmente eficaz.

A verdade é que às vezes esta pessoa não tem tempo nem paciência para encontrar clientes, orientar possíveis compradores no imóvel e outras tarefas. Da mesma forma, outro problema é que eles são profissionais qualificados que podem colocar casas à venda em Cascavel e vendê-las com mais rapidez.

Por outro lado, muitas pessoas não suportam que os outros lhes digam o que fazer, dando ordens e fazendo coisas com as quais não concordam. Se você for um controlador neste nível, é melhor fazer as coisas sozinho, sem a ajuda de um agente imobiliário. Em alguns casos, é importante dominar todo o processo, especialmente se a negociação subjetiva for possível. Às vezes, essa pessoa quer tomar uma decisão sobre a venda do imóvel, mas por causa de sua ligação com a empresa, ela não pode. A contratação de um agente imobiliário depende muito de você e da sua opinião.

Outra dificuldade enfrentada é a dúvida sobre vender ou não o imóvel com o inquilino. Este é sem dúvida um dos maiores problemas enfrentados pelas pessoas que vendem casas. Afinal, manter os inquilinos em casa pode significar que você receberá um dinheiro extra no final de cada mês, o que não pode ser ignorado hoje.

Por outro lado, decidir ficar com o inquilino até encontrar um comprador pode dificultar o processo de encontrar um novo dono do imóvel, e as pessoas que querem comprar uma casa geralmente planejam se mudar o mais rápido possível. Pense nisso, comprar uma casa e depois ter que despejá-la pode ser cansativo. Isso exigirá muito tempo e dinheiro.

Para vender um imóvel que ainda está alugado, o proprietário deve cumprir o disposto na lei do art. 27, que confere ao locatário o direito de ser a primeira opção de compra de um imóvel no futuro, tendo as mesmas regras e leis de terceiros. De acordo com a lei, o locador deve informar o locatário sobre a atividade desenvolvida, inclusive por meio de notificação judicial extrajudicial, incl. inequivocamente.

Esta notificação deve conter todas as condições que a empresa irá cumprir e informar que o silêncio por parte do inquilino será tratado como uma rescisão do contrato no prazo de um mês. Uma coisa que também suscita muitas dúvidas entre as pessoas é se é melhor despejar um inquilino da propriedade para facilitar a venda. Muitas pessoas acreditam que o contrato expira após o prazo, mas não totalmente.

Se o contrato já expirou, todas as especificações permanecem válidas apenas agora por um período indeterminado. Se o contrato ainda estiver em vigor e na data original, então você está vinculado a este limite, você não pode despejar o inquilino antes. Agora, se o seu contrato terminou e a sua vigência é inferior a trinta meses, basta avisar ao residente que o contrato expirou e você não tem interesse em prorrogá-lo.

Se o inquilino sair do apartamento livre e espontaneamente, tudo bem, mas se acontecer o contrário, será necessário despejo. Se nada houver a testemunhar contra você, proprietário e vendedor do imóvel, o juiz dará a você uma decisão favorável.

Gostou deste artigo? Compartilhe-o em suas redes sociais para que mais pessoas saibam quais são os dilemas enfrentados ao vender um imóvel!
Fonte: Marketing Digital - Chaves na Mão

PUBLICIDADE

 

GUIA DE EMPREGOS
Agência do Trabalhador de Dois Vizinhos
(46) 3536-1816...
Veja mais
GUIA DE EMPRESAS E NEGÓCIOS
Agências de Propaganda
Sudoeste Online
Soluções para a internet: web site, sistemas online, comércio eletrônico, campanhas publicitárias online, hos...
Agências de Propaganda
Portal Dois Vizinhos
Portal de notícias, informações, publicidade e entretenimento de Dois Vizinhos. Atua também no desenvolvimento...
Veja mais
AGENDA DE EVENTOS
Veja mais
+ LIDAS
NA SEMANA
NO MÊS

 

Cadastre-se e receba nosso informativo semanal.

 

(46) 3536-5397 / 9 8401-4109
© Copyright 2003-2021, Portal Dois Vizinhos. Todos os direitos reservados