Acompanhe o Portal Dois Vizinhos no Facebook
Acompanhe o Twitter do Portal Dois Vizinhos
HOME
CONTATO
 
NOTÍCIAS - CEEBJA

segunda-feira, 12 de abril de 2021
Três unidades de CEEBJA poderão ser fechadas pelo Núcleo Regional de Educação de Foz do Iguaçu
Centros especializados de ensino para jovens e adultos ficam em Matelândia, Medianeira e São Miguel do Iguaçu.
Três unidades de CEEBJA (Centro Estadual de Educação Básica para Jovens e Adultos) na região estão correndo o risco de ser fechadas. Os estabelecimentos de ensino ficam nas cidades de Matelândia, Medianeira e São Miguel do Iguaçu.
A intenção é da chefia do Núcleo Regional de Educação de Foz do Iguaçu (NRE) e foi informada pelo órgão à direção dos três CEEBJAs durante reunião presencial. As comunidades escolares não foram consultadas sobre essa pretensão.
Diretor do CEEBJA de São Miguel do Iguaçu, Emerson Rodrigues apresentou um relato sobre as informações recebidas até o momento pelas instituições de ensino. O professor abordou o assunto durante entrevista à Rádio Jornal.
“Fomos avisados de que esses CEEBJAs deixariam de existir e se tornariam um curso de Educação de Jovens e Adultos (EJA), nas escolas onde compartilhamos o espaço físico”, explanou o docente, na entrevista à rádio de São Miguel do Iguaçu.
Ele lembrou que as escolas regulares não estão preparadas para ofertar a modalidade de ensino específico a jovens e adultos. “O que nos causa grande estranheza é que, entre todos os CEEBJAs do Paraná, apenas esses três que fazem parte do NRE de Foz do Iguaçu estão nessa condição”, apontou.
Desmonte
Para a APP-Sindicato/Foz, a pretensão da chefia do NRE de Foz do Iguaçu visa ao desmonte do sistema público de ensino. Se efetivada, vai ferir o direito da população à educação específica e especializada para jovens e adultos.
“Os colégios ficariam sobrecarregados, sendo obrigados a ofertar a EJA juntamente com o ensino regular, de níveis fundamental e médio, sem novos investimentos e educadores”, expõe o representante da APP-Sindicato/Foz, Leandro Bortoluzzi.
“Trata-se de uma posição descabida e autoritária”, denuncia. “A EJA requer atendimento diferenciado para os públicos jovem e adulto. Em muitos casos, os estudantes são idosos, os quais precisam de acompanhamento individualizado”, frisa.
De acordo com Leandro, o sindicato reforça a mobilização das comunidades de Matelândia, Medianeira e São Miguel do Iguaçu. “Convidamos educadores, estudantes, pais e mães de alunos, representantes de organizações sociais e do poder público para somar forças para impedir essa arbitrariedade”, convoca.
(APP-Sindicato/Foz)
Fonte: Assessoria de Imprensa

PUBLICIDADE

 

GUIA DE EMPREGOS
Agência do Trabalhador de Dois Vizinhos
(46) 3536-1816...
Veja mais
GUIA DE EMPRESAS E NEGÓCIOS
Agências de Propaganda
Sudoeste Online
Soluções para a internet: web site, sistemas online, comércio eletrônico, campanhas publicitárias online, hos...
Agências de Propaganda
Portal Dois Vizinhos
Portal de notícias, informações, publicidade e entretenimento de Dois Vizinhos. Atua também no desenvolvimento...
Veja mais
AGENDA DE EVENTOS
Veja mais
+ LIDAS
NA SEMANA
NO MÊS

 

Cadastre-se e receba nosso informativo semanal.

 

(46) 3536-5397 / 9 8401-4109
© Copyright 2003-2021, Portal Dois Vizinhos. Todos os direitos reservados